Greve por distritos durante 18 dias úteis

Nas últimas semanas, tem havido uma grande agitação entre os professores de todo o país devido à indisponibilidade do Ministério da Educação para recuperar o tempo de serviço e tomar outras medidas que os docentes reclamam. Como resultado, as organizações sindicais ASPL, FENPROF, FNE, PRÓ-ORDEM, SEPLEU, SINAPE, SINDEP, SIPE e SPLIU decidiram convocar uma nova ronda de greves por distrito.

De acordo com os pré-avisos de greve que começaram a ser apresentados ontem, esta nova ronda de greves por distrito terá a duração de 18 dias úteis e começará em 17 de abril para o distrito do Porto, terminando em 12 de maio para o distrito de Lisboa. Entre estas datas, a ordem será inversa à alfabética, adotada anteriormente.

Em uma conferência de imprensa que será realizada em breve, as organizações sindicais darão a conhecer o formato desta nova ronda de greves por distrito, bem como outras ações que serão levadas a efeito. De acordo com fontes próximas das organizações sindicais, esta nova ronda de greves não será exatamente igual à anterior e terá novidades, o que será divulgado durante a conferência de imprensa.

Com a convocação desta nova ronda de greves, espera-se que o Ministério da Educação leve a sério as reivindicações dos docentes e tome as medidas necessárias para resolver a situação de insatisfação entre os professores de todo o país.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Previous Article

Chegada Dos Professores Que Foram A Bruxelas

Next Article

Sindicatos Reafirmam Que A Luta Terá De Continuar

Related Posts