Só 37% dos professores penalizados aceitaram regressar aos concursos

Só 37% dos professores penalizados aceitaram regressar aos concursos de colocação | Educação | PÚBLICO (publico.pt)

Eram um dos recursos do Ministério da Educação para minimizar a falta de professores neste final do ano letivo. O outro foi o de transformar todos os horários ainda em falta em turnos completos de 22 horas aulas semanais. Cerca de 12 mil alunos ficaram com os professores que lhes faltavam.

Dos cinco mil professores a quem o Ministério da Educação (ME) pretendia recorrer para garantir aulas aos alunos, só 1850 (37%) “mostraram vontade de regressar” aos concursos de colocação de docentes, revelou o Ministério da Educação em respostas ao PÚBLICO.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Previous Article

FENPROF reuniu com o ME

Next Article

Os hackers andaram por aí...

Related Posts